Em 1997 foi criado o Centro de Estudos Jurídicos Latino-Americano ( CSGLA ) com base em um Acordo entre a Universidade de Roma  Tor Vergata e o Conselho Nacional de Pesquisa (CNR). As atividades do CSGLA desdobram-se em dois campos: científico e didático; seguindo, dessa forma, a programação de pesquisa e especialização em caráter jurídico iniciada pelo Centro Interdisciplinar de Estudos Latino-Americano da Universidade de Tor Vergata. Mais especificamente, o CSGLA é responsável pela pesquisa acerca dos sub-sistemas jurídicos Latino-Americano, concentrando sua atenção especialmente no aprofundamento da Formação do Sistema e Codificação, da Unificação e Integração do Direito na Europa e na América Latina (com especial referência em matéria de contratos e responsabilidade extracontratual); Dívida Internacional; Tutela/Proteção do consumidor; Tutela/Proteção do meio ambiente; Direito Processo Civil; do Direito do Trabalho dentre outros. A atividade do CSGLA é igualmente direcionada para a formação científica, acolhendo e assistindo pesquisadores e bolsistas, colaborando em doutorados de pesquisa ou outros cursos de formação especializada (Especialização e Mestrado), nas matérias objeto de seus estudo. Enfim, o CSGLA é membro categoria B do Consejo Europeo de Investigaciones Sociales sobre a América Latina (CEISAL) e membro da Organización no Gubernamental – categoria C- UNESCO. Para a realização de suas atividades, o Centro tem sempre colaborado seja com outras entidades da Universidade de Roma Tor Vergata (Departamentos e Cátedras), seja com vários órgão científicos italianos ou estrangeiros.